domingo, 15 de março de 2009

A Sra. Ivánovna

Em desespero, há quatro dias esperando uma resposta da EY, decidi contactar uma amiga que tenho em comum com ela: a Sra. Ivánovna.

Se tem alguém que pode falar com a EY sem qualquer barreira é ela. As duas eram amicíssimas, a ponto de uma colocar depoimento para a outra no Orkut.

Sem pensar duas vezes, mandei depoimento-mensagem para ela. A única forma que eu enxerguei para não causar qualquer incômodo à Sra. Ivánovna é ir à casa dela apresentar a situação. Mas tem um porém: ela é casada. Ao tratar assuntos com uma mulher casada, penso eu, temos que ter muito cuidado para evitar um mal entendido. Com muito tato, convidei-me a passar na casa dela, mas fiz a clara ressalva de que essa visita deveria se dar na presença do marido dela.

Para a minha surpresa, ela respondeu rápido e foi bastante solícita. Não houve qualquer espécie de problema para agendar a visita.

Eu não a via há mais de dois anos, mas mantínhamos contatos bastante esporádicos pelo Orkut. Estava um pouco apreensivo, pensando como ela reagiria diante da minha história.

Foi tudo às mil maravilhas, ela leu a carta, adorou, disse que adoraria receber semelhantes elogios e fez até uma crítica velada ao seu marido por não idolatrá-la daquela forma.

Enfim, o mar de rosas acabou quando ela me contou que estava um pouco afastada da EY. Não se viam há mais de um ano. Para piorar, me disse que da última vez em que se falaram, a EY lhe havia dito que o namoro ia bem. Inclusive ele, o cidadão mais invejado do mundo, o namorado da EY, tinha falado em casamento(!!!!), mas que ela (EY) preferiu esperar mais um tempo. Realmente não foram notícias nada boas. Mas me animou constatar que isso fora há um ano. De lá para cá muitas coisas podem ter mudado.

Enfim, a Sra. Ivánova ficou de telefonar assim que pudesse para a EY e se inteirar do que estava ocorrendo. Humildemente, pedi a ela que fizesse a pergunta que eu considero a mais importante de todas, a que me faria o homem mais feliz do mundo: Se a EY não tivesse namorado, se ela aceitaria me namorar.

Nessa hora, a Sra. Ivánova deu um sorriso matreiro e disse "não sei, não.... pelo que ela andou falando de você....". Imediatamente arregalei os olhos e interpelei-a para que esclarecesse a situação. A EY havia lhe dito, à época em que nos encontrávamos com frequência na academia, que eu estava bem fisicamente. Ou seja, ela me notou! Me olhou com outros olhos! Impossível não ficar emocionado com essa notícia.

Se fui ao fundo do poço ao saber que o namorado da EY já lhe propôs casamento, essa revelação da Sra. Ivánova me levou ao paraíso. Nem tudo está perdido!!! Há luz no fim do túnel.

Agora é aguardar a ligação da Sra. Ivánova para saber, enfim, como foi a receptividade à minha carta.

EY, eu te amo!!!!!!!!!!

10 comentários:

Canto do Lufa disse...

Engraçado! No livro que estou lendo tem uma personagem chamada Ivanova

C. disse...

Como vc é romantico!
E não tem vergonha de proclamar o seu amor, admiro isso...

www.casadobesouro.blogspot.com

Yami disse...

poxa cara espero realmente que as coisas se acertem de uma forma pra ti, vi que esse amor já dura alguns anos... Dificil mesmo

Força pra ti e que a amiga dela lhe traga boas noticias!

Abraços!

Valci Pessoa disse...

Eu também estou lendo um livro que tem uma personagem que se chama ivanova =)
O nome é crime e castigo
Abs!

O amor e etc. disse...

Essa história é real?
Muito legal.
Beijos, beijos.

Rogerio disse...

storia bom....e não tem medo de dizer que e apaxonado...

luiz disse...

eh real?
muito legal
xD
se puder
http://sonabrisa.nomemix.com/

Gabriel Messias disse...

O amor esta no ar... hehehe massa esse post ai... e é bom né ter amigos em comum a EY... valew

www.eporaivai.blogger.com.br/

Fabricio bezerra da guia disse...

eu conheço um cara que ta apaixonado por uma menina há meses,mas ela nem sbe que ele existe.vc tem um conselho

JaCoNa disse...

O Blog de Um Xonadu! xD Ki Lindu... sahasuhsauhasuas
Sucesso, keridu... esperu ki conquistes tua amada! ;)
sahsuahsauhasu
xeru



http://jaconapacheco.blogspot.com/